O nome de Vilma Trujilo García foi divulgado em toda imprensa mundial nesta semana. A moça foi vítima de um crime cruel e desumano que envolve religião.

PUBLICIDADE

Vilma tinha 35 anos e foi queimada viva por um pastor evangélico. Esse ato para lá de macabro, ocorreu em Nicarágua, nesta última quinta-feira, 23. O líder religioso foi preso devido à gravidade da situação.

A vítima teve mais de 80% do seu corpo queimado. Ela foi encontrada por vizinhos, em um barraco, na cidade de Manágua.

Vilma estava amarrada e com o corpo quase todo queimado. Imagens dela foram compartilhadas nas redes sociais.

PUBLICIDADE

Infelizmente a vítima deste crime cruel e brutal, não resistiu aos ferimentos e veio a falecer nesta terça-feira, 28.

O pastor Juan Gregório Rocha, afirmou na delegacia, que Vilma, estava possuída pelo “capeta”. O pastor que afirma ter visões divinas, amarrou a jovem e ateou fogo nela, o que provocou a morte da vítima.

Assista ao vídeo logo abaixo.

 

PUBLICIDADE

Gostou? então deixe seu like!