5 coisas que os ginecologistas tem ‘nojo’ nas pacientes


Descubra quais são algumas dessas coisas que são um verdadeiro pavor para os ginecologistas

Todo trabalho tem seu lado positivo e negativo. Por mais que o profissional seja competente e paciente, algumas coisas podem deixá-lo pensativo, por mais que não fale.

PUBLICIDADE

Os ginecologistas, por exemplo, guardam alguns segredos, que obviamente jamais falariam para suas pacientes. Segredos esses que causam um certo nojo.

Veja quais são algumas delas abaixo:

1) Partes íntimas peludas:  quando se tem uma consulta com o ginecologista, o mais prudente é se depilar, pois ele terá que examinar. Apesar de algumas mulheres não gostar de depilar as partes íntimas, alguns médicos podem sentir certo receio e até mesmo desconforto ao examinar.

2) Falar o que não sabe: como atualmente temos a internet, muitas pessoas procuram informações que nem sempre são as corretas. Algumas dessas pessoas, ainda querem discutir suas opiniões e palpitar na hora da consulta.

PUBLICIDADE

3) Não fazer exames: existem atualmente muitas campanhas onde incentivam as mulheres a sempre fazer o exame de rotina, para prevenir infecções e até o câncer. Mas muitas, por relaxo, na maioria das vezes não fazem e ainda arrumam desculpas esfarrapadas para justificar não fazê-los.

4) Esconder sintomas: na hora da consulta, o ideal é falar abertamente para o médico, mesmo que seja um pouco constrangedor. Mas, existem aquelas mulheres que não falam sobre o que realmente está sentindo, e dificulta mais ainda um diagnóstico.

5) Não aceitar explicações sobre a falta de libito: o libito está na verdade relacionando a várias coisas, e entre elas alguns distúrbios hormonais e sentimentais. Algumas mulheres não acreditam que os sentimentos podem interferir na falta de desejo que anda sentindo, o que atrapalha mais ainda o procedimento do profissional.

PUBLICIDADE

Gostou? então deixe seu like!

Deixe seu comentário

log in

Become a part of our community!

reset password

Back to
log in